Reflexões sobre o jeito Muffin.dicas!

Esse post é muito importante para mim, acho que chegou a hora de eu responder todas as perguntas que frequentemente as pessoas me fazem… Na última semana, em diversos momentos, pessoas diferentes me perguntaram praticamente a mesma coisa, então, achei interessante fazer um post que explique tudo isso!  [domo]

– Por que o você não fala do São Paulo Fashion Week no seu blog?

Você já reparou que na semana de moda aqui em São Paulo, milhões de blogs fazem bilhões de posts sobre o assunto, e todos parecem ter o mesmo texto. Na minha opinião como leitora, eu acho isso muito repetitivo! Quero que o Muffin.dicas seja diferente, que se destaque na multidão da blogosfera,  e não que seja mais um… Eu respeito e admiro quem posta sobre o SPFW, e existem blogs que realmente fazem posts absurdamente maravilhosos.
Outro motivos para eu não querer falar do SPFW, é o fato de eu não ter nenhuma afinidade com moda CONCEITUAL, ou seja, eu sigo a regra: “Só fale no seu blog, aquilo que você tem afinidade!” – Como eu não entendo nada de moda CONCEITUAL, eu nem me arrisco a falar bobagens… Já sobre moda COMERCIAL, eu falo, pois sei as técnicas de uma boa aquisição e como lidar com o famoso “ta na moda”.

Google > Diferença entre moda conceitual e moda comercial > pesquisar

– Mas você ganha dinheiro com o blog?!

Quem me pergunta isso eu sempre vou ser verdadeira e responder: SIM – Afinal eu ganho sim e isso não tem mal algum!
Mas eu sempre completo a frase com: Se você for começar um blog para simplesmente ganhar dinheiro, DESISTA, pois não é de um dia para o outro que você fatura $$, é preciso muita dedicação, amor e principalmente vontade!
Até hoje eu faço o blog como um hobby, uma espécie de amiga que eu vou contar todas as dicas que eu aprendo.

large (1)

– Por que você não grava vídeos?

Lá em 2009, no começo do blog eu até gravava vídeos, mas não me sentia bem com a super exposição na internet, hoje em dia existe doido pra tudo e pior: o que não falta é maldade na blogosfera, então… Eu evito!
Já prometi pra mim mesma que um dia, quando eu estiver segura de mim mesma, eu grava um vídeo e posto aqui com todo o amor!

– Nossa, por que você ajuda as novas blogueiras?! Eu não contaria o “segredo” do negócio…

Juro que a frase acima é a que eu mais ouço!
Eu não saio por aí contando o “segredo” do negócio, e muito menos saio ajudando qualquer uma. Quando alguma menina me aborda falando: Bru, quero começar um blog, me ajuda?! – Eu sempre vou dizer que SIM, pois aprendi com Bel Pesce (que eu amo e admiro) o seguinte: Ajude! Ajude fazendo o bem, mesmo que você não receba nada em troca na hora, porque lá na frente algo muito bom será recompensado a você!
Eu achei de profunda dignidade essas palavras da Bel, então passo isso a diante… Depois do meu SIM, eu procuro saber se a menina vai escrever algum assunto pela qual ela tem afinidade, converso bastante e observo muito. Existem casos em que eu logo aviso: Para! Não faz isso! – Pois são meninas que só querem o blog por dinheiro. Mas também existe o caso em que eu vejo que a menina é muito boa, tem competência e eu ajudo mesmo, com todo meu amor e carinho, e lá na frente quando elas tem um resultado legal, sempre recebo elogios e agradecimentos… Isso não tem preço!   [heart]

large (2)

– Que legal, você tem um blog e eu tenho uma loja. Você não pode falar da minha loja no seu blog?!

Me sinto meio sem graça de falar isso, mas é a realidade… Falar de lojas em blogs é propaganda, e isso se chama Publieditorial!
Assim como qualquer trabalho digno de publicidade, fazer um Publieditorial tem um custo. Eu sei que parece meio grosseiro e ostensivo falar isso aqui, mas a partir do momento que você passa a dar um retorno significativo para a loja, você também precisa desse retorno, é um ciclo!

– Bru, da onde você tira tanto assunto assim?!

Minha mãe é a maior inspiração, a melhor professora sobre a vida que eu poderia ter, ou seja, eu aprendo muita coisa com ela!
Sabe aquela velha história que sua professora falava na escola: Lê, porque a leitura traz muito conhecimento! – Pois é, eu leio muita revista (seja ela online ou não), jornal, livros e assisto muitos programas. Não importa o assunto, conteúdo nunca é demais.

large (3)

Bom, foi isso!

Achei meio “libertador” fazer um post sobre esse tipo de assunto. Eu adoro quando alguém me pergunta alguma coisa sobre o blog, me sinto confortável falando de um assunto que eu gosto tanto, e é como eu disse acima: Eu faço do blog uma “amiga” e conto tudo que eu quero pra ele… cá estou!

[inlove]

Continue Reading

Mudança de vida!

Eu e você sabemos o quanto é difícil fazer dieta, não é mesmo?!

Nunca fui de ficar contando para os outros que estava fazendo dieta, pois quando eu temos uma recaída (pelas gostosuras), sempre tem alguém te cobrando: Nossa, você não estava de dieta?! E, agora ta comendo isso?!  – Pois é… não ta fácil pra ninguém!

Tinha pessoas que diziam: Ah, quando você se apaixonar por alguém vai perder a fome e vai emagrecer…. Ou: Nossa, a hora que você quiser muito tal peça de roupa, você querer emagrecer!
Na boa?! NA A VER ISSO AÍ! – Eu gostei muito de uma pessoa e não emagreci, eu desejei milhões de roupas e não emagreci, pelo contrário, conquistei as duas coisas sem emagrecer. Estar acima do peso, não te faz melhor ou pior que ninguém… é uma escolha, você se acomoda com a situação!

large (1)

Um dia, sem nada de especial… Minha mãe comentou comigo que, a filha de uma amiga dela havia perdi muuuito peso, com a dieta de uma nutricionista, ou seja, ela esta com um cardápio equilibrado e estava sendo acompanhada.
Então, minha mãe comentou se eu não queria ir nessa nutri, e eu na hora disse sim!

Seilá, acho que o “tico e teco” bateu dentro da minha cabeça e eu me determinei a fazer algo sério (depois de 18 anos tentando milhões de dietas). Chegou o dia da consulta e, la fomos nós no consultório da Dra.

Ela conversou comigo, me deu um choque de realidade e, quando me pesou eu quase tive uma crise de choro… Fiquei chocada, passada e de boca aberta com o peso que eu estava. Foi determinante!

Comecei a fazer a dieta… Seguia rigorosamente o cardápio, mas não praticava nenhum exercício físico porque estava sem tempo (estágio e faculdade ao mesmo tempo)

MEU PROGRESSO:

1º mês (apenas cardápio equilibrado): – 6Kg
2º mês (apenas cardápio equilibrado): – 3Kg
3º mês (apenas cardápio equilibrado): – 3Kg
4º mês (Tive uma crise alérgica, fiquei muito doente): – 1Kg
5º mês (Me recuperei a alergia e comecei a fazer muitos exercícios): – 3Kg

Total até agora: -16Kg

Eu nunca fiquei tão feliz na minha vida! – As pessoas estão notando que eu estou emagrecendo, muitas roupas que não cabiam mais, agora servem perfeitamente.
Diminui o número da minha calça jeans e, até as dificuldades e a moleza que eu tinha para fazer exercícios, desapareceram!

DIETA MALUCA, É FURADA!
Ninguém tem que passar fome para emagrecer… Eu como de tudo um pouco, minha dieta é equilibrada (claro, parei com muitos doces, refrigerantes e massas que eu comia sem dó e sem limites antigamente), eu faço acompanhamento mês a mês com a nutricionista. Não faço exercícios desesperadamente, faço apenas o que aguento, pois a saúde tem que estar em primeiro lugar!
Não adiante você fazer as coisas ao extremo, tem que ser aos poucos, por exemplo: Vou começar uma dieta só de líquidos hoje e vou correr 10km! PAAARA, ISSO TA ERRADO!

Eu como, proteínas, carboidratos e milhares de outras coisas… SEM REMÉDIO!
Comecei caminhando 30 mim, o que da uns 2 km, e agora chego a caminhas 10 km por 1 hora e pouco… Além disso, comecei a fazer Muay Thai! Não gosto de ir em academia e puxar peso, então, achei na luta uma forme mais dinâmica e eficaz de queimar muitas calorias!

Fiquei tão empolgada, tão “me amando”, que comecei a compartilhar as “vitórias” no instagram:

Insta1

Insta2

Nunca gostei de tirar fotos onde eu esteja de biquíni, ou que mostre a barriga… Mas dessa vez, a felicidade falou mais alto e eu tinha que compartilhar com todo mundo, o quanto eu estava feliz e determinada… quer dizer, ainda estou!

Estou aberta para qualquer tipo de pergunta, ou dúvida… Os comentários estão a disposição meninas, fiquem a vontade e não esqueçam de comentar!

Já sabem… DIETA MALUCA NÃO LEVA A NADA, TEM QUE SER SAUDÁVEL!

Continue Reading

Holambra!

A cidade mais holandesa do Brasil!

Sábado (14.10) fui para Holambra com minha família visitar a Expoflora. Para quem não sabe, Holambra é uma cidade do interior de São Paulo que foi colonizada por holandeses e até hoje mantêm  a cultura, os hábitos e a arquitetura.
A cidade tem moinhos tipicamente holandeses e casas no mesmo estilo, mas é todo mês de Agosto/Setembro que Holambra fica mais agitada, pois é nessa época que acontece o Expoflora, uma das maiores exposições de flores e plantas ornamentais da América Latina.

54e24917f1744c163af3e8ae004d79bb

Falando assim, até parece “programa de índio”, mas o Explofora é realizado num espaço turístico de Holambra onde você pode comer comidas típicas holandesas, ver danças tradicionais e conhecer verdadeiros holandeses que ainda carregam o Dutch em sua cultura (Dutch é a língua holandesa). Sério, é muito lindo ver as moças usando aqueles tamancos de madeira e as roupas fofíssimas!

Andando pelo “parque” onde acontece o evento, você vai poder provar comidinhas e docinhos bem típicos, e tirar fotos lindaaaas, até parece que estamos em Amsterdã (Eike Luxo! haha)

Se você algum dia chegou a assistir a novela da globo, “Sangue Bom” pode perceber que muitos capítulos mostram o personagem Bento (Marco Pigossi) em sua floricultura ou em um campo de tulipas que é simplesmente lindo… então, as cenas da novela que mostram esse campo de flores foi gravado em Holambra!
Assim como o país de origem (Holanda), a cidade do interior de São Paulo também tem como sua principal economia o plantio de flores ornamentais  como a Tulipa. Durante a Expoflora desse ano, você pode conhecer o set de gravações da novela!

O evento acontece até 29 de Setembro!

Quando chegamos ao “parque” do evento nos deparamos com um moinho lindo, digno de uma foto:
20130914_103807

Eu tirei muuuitas fotos da exposição de flores, mas abaixo separei as que eu mais gostei para vocês curtirem!
20130914_110154

20130914_125421

20130914_131902

DSC00883

DSC00954

DSC00885

DSC00888

DSC00903

DSC00938

DSC00941

DSC00943

DSC00945

DSC00947

DSC00949

Se você gostou das fotos e ta pensando em fazer um passeio diferente no final de semana, Holambra é a pedida!
Para mais informações do Expoflora, acesse: http://www.expoflora.com.br/

Continue Reading

Ai, meu coração!

Sabe o famoso “pé na bunda” que te deixa com o coração doendo por uns bons dias e até meses?!

No primeiro dia você fica chorando pelos cantos, no segundo você ouve músicas que falam de amores não correspondidos, no terceiro… AAAH no terceiro dia, você leva um puxão de orelha das amigas por estar se martirizando.
Ai você “acha” que caiu na real, fica com um mini-ódio que é alimentado por músicas que “chutam o balde”, e para as maiores de idade, você coloca seu vestido mais sensual discreto -risos e #partiu balada!

Depois de 2 meses você se pergunta: Cara, porque eu fiz tudo aquilo?! Já passou… já esqueci ele!

Seguindo essa linha de “pé na bunda” a designer Melanie Chernock criou o Love Hurts. Um kit super fofinho, que parece um primeiros socorros (na verdade é um -risos), pois vem com itens essenciais para curar a fossa imediatamente.

lovehurts

lovehurts_2

Na maletinha tem:

  • Um CD com músicas românticas (David Bowie, Janis Joplin, The Black Keys, Spice Girls e muuito mais)
  • Uma barra de chocolate meio-amargo (a melhor parte!)
  • Uma garrafinha de Vodka (hahaha depois da fossa, vem a raiva)
  • Velas e fósforos
  • Balinhas açucaradas em formato de coração e com dizeres
  • Um pacote de lenços (porque você vai chorar horroreeees)

Fala sério… tudo que tem nesse kit faz todo o sentindo! hahahaha

E ai?! Você compraria um kit desse se levasse um “pé na bunda”?

Apenas um detalhe: Essa maletinha é única! – SIM, Melanie só criou um kit, pois ele é um conceito, afinal, ela é designer. Ele não esta a venda! #QUEPENA

Continue Reading

Mania de Malhação!

Estava linda e bela no metrô indo para o serviço, quando me deparo com a seguinte notícia do portal Terra, que passa naquelas telinhas que tem dentro dos trens da linha 4 Amarela (SP):

“Pesquisa mostra que dois terços das mulheres usam make para malhar”

Oh Gente!
Cadê bom o senso? Cadê???

Usar make para malhar é o pior erro da história (risos). Quando praticamos exercícios físicos, obviamente, suamos. Então, nossos poros precisam estar abertos para que a pele transpire, e se você usa make para malhar seus poros vão estar fechados, você vai prejudicar o processo da transpiração e aos poucos vai detonando a pele.

malhacao

Isso é sério!

Então já sabe, fica a dica: Se for malhar, vá de cara lavada (la-va-da)

Continue Reading